Continuando a temática do ultimo post, neste irei comentar sobre o que faz o desenvolvedor back end.


O que faz o desenvolvedor back end?

O front end é o desenvolvedor que trabalha com as linguagens de programação que rodam no servidor e interagem diretamente com o banco de dados.

Entre as principais atividades estão criar a estrutura do banco de dados, realizar a recuperação de dados do banco, buscas com filtros e organização dos dados para serem facilmente consumidos pelas aplicações front end.

Assim sendo as principais preocupações do desenvolvedor back end são com a performance, principalmente nas interação back end <-> banco de dados.

Entretanto em softwares legados nos quais as interfaces foram construídas com linguagens de back end, o desenvolvedor pode necessitar realizar ajustes visuais nestas.

Resumidamente, os desenvolvedores back end cuidam da lógica do sistema, desenvolvimento das funcionalidades baseadas nas regras de negócios solicitadas pelo cliente, fazem validações e tratamento de possíveis erros, além do armazenamento e recuperação de informações, de forma performática, no banco de dados.


Habilidades

  • Conhecimento em uma linguagem de servidor: Java, Python, Ruby...
  • Testes unitários são necessários, mas raramente utilizados na prática
  • Conhecimento nos frameworks relacionados a sua linguagem
  • Conhecimento em apis rest
  • Clear code e mais
Mapa do profissional back end

Mercado de trabalho

Os desenvolvedores back end são muito requisitados no mercado, porém algumas linguagens tendo mais demandas do que outras.


Agências de desenvolvimento de sites

Neste local os desenvolvedores back end são solicitados principalmente para desenvolver em php, o uso de frameworks dessa linguagem é muito valorizado para agilizar o trabalho, que geralmente tem um ritmo acelerado de entregas.


Grandes empresas de desenvolvimento de software

Os desenvolvedores back end são muito solicitados em grandes empresas de software, principalmente as traducionais de com muitos anos de mercado.

Consequentemente estas empresas tem muitos softwares legados para manter, o resultado é garantir estabilidade e salários interessantes pela raridade de profissionais especialistas em linguagens com longos anos de estrada.

Isso acontece pela demanda de conhecimentos que não sãos mais ensinados nas universidades ou não são atraentes para a galera jovem que prefere utilizar linguagens mais modernas.


Startups

Nas startups os desenvolvedores back end tem espaço, juntamente aos front end trabalhando em conjunto.

Onde os desenvolvedores utilizam linguagens mais performáticas que visam a agilidade no desenvolvimento.


Conclusão

A evolução da profissão como desenvolvedor levou a especialização deste profissional. O desenvolvedor back end no desenvolvimento da lógica e do front end na interação com dados e interfaces, separando atividades específicas para cada um mas garantindo que o trabalho em conjunto resulte no desenvolvimento de soluções de software.